A Peculiaridade do mundo peculiar

Olá sou eu aqui de novo, nesse mundo nada peculiar onde a normalidade só serve para excluir e criar muros entre as pessoas. E com isso eu lembrei do que eu vou falar hoje, sobre a série de livros de Ranson Riggs, sobre O Orfanato da Srta Peregrine para Crianças Peculiares.

Primeiramente se imagine na pele de um adolescente americano de 16 anos de uma família de classe média teoricamente alta com pais superprotetores, que trabalha em uma das lojas rede da família, e com quase nenhum amigo, além de um outro adolescente. E o mais importante seu avô.  Essa é a vida de Jacob Portman com toda essa breve descrição acima, e um detalhe que eu esqueci de mencionar, esse jovem tem lembranças muito vívidas de sua infância em que seu maior sonho era ser um explorador pelo mundo, devido a idolatria a uma das pessoas mais importantes de sua vida. Seu avô, Abraham Portman um ex refugiado da Polônia que fugiu dos alemães, lutou na segunda guerra mundial, e que conta histórias muito legais em que crianças nada normais com habilidades peculiares fazem parte com direito a fotos e tudo.

Como o mundo acaba por nos transformar em pessoas sem graça em que toda coisa fora da normalidade é tratada como algo ridículo, Jacob acaba por esquecer do seu sonho e transformar as histórias de seu avô em meros contos de fadas.

Devido a um fato do destino Jacob, acaba por ir em busca do passado do seu amado avô e se inserindo nele de uma forma muito interessante descobrindo os mistérios do mundo e das crianças peculiares.

Eu realmente me apaixonei pelos livros da série,e seu mundo tão bem construído onde o passado está muito presente através dos olhos de um garoto que vive no tempo de hoje. Uma coisa importante sobre a narrativa é que ela tem o auxílio e o complemento de fotos históricas que se casam muito bem, e ajudam a impulsionar a imaginação de quem está lendo.

Compensa muito a leitura, por ser algo novo e com uma narrativa diferente do que se tem lançado ultimamente.E é viciante. E não, eu não assisti o filme do Tim Burton, por algo mais pessoal em relação às obras dos últimos anos dele. Mas de qualquer forma vale entrar de cabeça neste mundo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s